Ganhar almas!

Estou “incafifado” com a expressão “ganhar almas”, da forma como ela é usada pelas denominações cristãs!
A origem da expressão está em Provérbios 11.30, “o que ganha almas é sábio”.
Pesquisei em toda a bíblia em busca de outra passagem com a mesma expressão ou semelhante e não encontrei.
Bem, encontrei “pregai o Evangelho a toda criatura”, “fazei discípulos”, “conduzir a Cristo”,  “de bom grado receberam a palavra”, “agregaram-se quase três mil almas”, “apiedai-vos de alguns”, “arrebatando-os do fogo”, etc.
Antes de mais nada, devo esclarecer que não sou contra o “ganhar almas”, ou seja, o evangelismo e o testemunho cristão.
Sou contra a contabilidade de algumas denominações cristãs que realizam trabalhos de evangelismo e propagação do evangelho e no final dizem: “tantas almas foram ganhas”! Não creio que isso seja verdade!
Para mim, ganhar almas é “fazer discípulos”.
Somente posso afirmar que ganhei uma alma para Cristo, quando essa “alma” (pessoa, seria uma expressão melhor, creio eu) torna-se um(a) verdadeiro(a) “discípulo(a)” de Jesus Cristo.
Sabe por que? Dessas “tantas almas” que são “ganhas” em eventos ou campanhas evangelísticas, nem 5% passam a frequentar a igreja. Digo isso por experiência!
Mas a propaganda faz bem para a denominação que realiza o evento!
“Resgataram” almas que estavam indo para o inferno! Será isso verdade?!
Eu creio que seria eficaz se cada igreja tivesse um programa de discipulado que pudesse ensinar as pessoas a serem seguidores de Cristo. Eu sei, costumam-se dizer que há a pescaria com “tarrafa” ou rede, e nesse tipo de “pescaria”, vem “peixes” de todo o tipo. “Bons” e “ruins”! E há a pescaria com anzol, um a um.
Mas, venhamos e convenhamos, isso não é GANHAR ALMAS!
E, sejamos sinceros, Jesus não mandou ninguém “ganhar almas”, mas PREGAR o Evangelho e FAZER discípulos de todas as nações! Tá certo, admitindo que “fazer discípulo” é o mesmo que “ganhar almas”, então posso aceitar a expressão.
Pregar é jogar a semente nos terrenos, em todos os terrenos a semente pode germinar, mas em poucos dará fruto! Ou seja, nem todos se tornarão DISCÍPULOS!
Pregar é o dever de todo cristão! Paulo disse “ai de mim, se não anunciar o evangelho!”. Pregar é anunciar, é proclamar, é falar aos povos as maravilhas do Evangelho de Cristo e da salvação!
Mas para a semente produzir é preciso cuidar do “terreno” (da pessoa). Ensinar, orientar, guiar, conduzir, firmar!
Então, sejamos sábios, como está em Provérbios, e GANHEMOS almas!

Advertisements

About Auriberto Feitosa

Ministro do Evangelho de Jesus Cristo, ou seja, simplesmente um servo.
This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s